Minha Casa...Minha Alma...

Viagem com Tânia por um mar desconhecido...

Textos


DESAPEGO DO SER

  

Ela olhou
A beleza da rosa
Abrindo-se lenta
Para o dia
Suscetibilidade remansosa
Mas que a ambas desafia
Ao laborioso
Desapego do ser
Que responde
Em sabedoria,
Paixão e amor
Pelo viver!



05/07/2017
15:23







 
Tânia de Oliveira
Enviado por Tânia de Oliveira em 05/07/2017

Música: Vanessa da Mata Marcelo Camelo - Amado



Comentários

Tela de Claude Monet
Site do Escritor criado por Recanto das Letras